Domingo, 19 de Agosto de 2012
[Santo Tirso, nascido a 28 de Janeiro do ano 374, morreu há 1758 anos. É um dos santos do século III, mortos pelo 'Emperador Decio', em Apollonia, cidade de Thrafia, actual norte da Turquia. Isto, num período de intensa perseguição a todos o...
s que manifestavam a Fé Católica.

Quando foi julgado e mandado serrar ao meio, Santo Tirso ainda não era cristão, estava a dar os primeiros passos na sua fé. Foi com muita dor e sofrimento que deu a vida por Cristo.

Em relação à naturalidade do Santo, existem três teorias distintas. Aquela que parece ser a mais acertada, de acordo com o Pe. Mário Melo, Pároco da freguesia, é a que vai de encontro aquilo que já foi dito, ou seja, que Santo Tirso é turco. Por outro lado, há quem defenda que é natural da freguesia de Meinedo, o que segundo o Pároco não pode ser verdade porque, para além de não ser possível provar, também é uma teoria que vai contra o facto das relíquias de Santo Tirso terem sido trazidas, por volta do ano 600, da Turquia para Meinedo. Outros há que acreditam que o Santo é natural de Toledo, local onde existe, também, uma imagem.
Diz a história que no século V os Alanos, Vândalos e Suevos invadiram a Península Ibérica, e que no século seguinte os Visigodos ocuparam o território. E coincidência, mesmo por baixo da Igreja Românica de Meinedo, existe, talvez, a mais antiga igreja suevo-visigótica de Portugal. Duzentos anos depois, no século VIII, dão-se as invasões árabes, que influenciam muitos dos aspectos da vida quotidiana da altura, incluindo a religião, pois consigo trouxeram os cultos orientais. É nesta altura que se julga ter começado o culto a Santo Tirso (vindo da Turquia). No entanto, nos séculos XI e XII, os cultos orientais passam para segundo plano.
O curioso é que dos vários sítios onde existe a imagem de Santo Tirso, o único que mantém o culto vivo é a freguesia de Meinedo, sendo também o único lugar que proclama a naturalidade do Santo.

Por baixo da Capela de Santo Tirso, de Meinedo, existe um túmulo que se diz ter sido o local onde ficaram guardadas as suas relíquias. A verdade é que nesta terra, onde o Santo é tido como “Padroeiro dos Males da Cabeça” (talvez por tanto ter sofrido com a morte que teve), a população têm-lhe muito apego, aquilo a que o Pe. Mário chama de “osmose”, uma profunda ligação de intimidade.

A romaria a Santo Tirso de Meinedo tem lugar, anualmente, no 3º. Domingo do mês de Agosto.

 



publicado por José Carlos Silva às 14:32 | link do post | comentar

mais sobre mim
Agosto 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31



contador visitas en mi web
posts recentes

A festa em honra de Sant’...

Lousada Antiga

As capelas

Padre Joaquim António de ...

Feliz de Mendonça Baldaia...

Dote de casamento do Dr. ...

Casa D' Além-Romariz (Mei...

Casa D’ Além ou de Romari...

A coisa que mais me dói, ...

Doutor Joaquim Augusto da...

arquivos

Agosto 2015

Março 2015

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

tags

1910

a igreja de são vicente de boim

a igreja _alvarenga

a paróquia de boim: breve enquadramento

adcl_lodares_lousada

adeus

alferes

almotacé

alvarenga

alvarenga_lousada

anthero pacheco da silva moreira

antónio

anúncio

aparecida

artesanato

artigos

aveleda

bibliografia

boa noite

boim

boim_lousada

caíde

caíde_lousada

calvário

caminho _de_ ferro_ de_ penafiel _á_ lix

caminho_de_ferro

capela

capela da fonte - boim

capelas

capelas_ públicas_lousada

capelas_de_lousada

capitão

capitão_mor

cargos e profissões dos proprietários de

carta

casa

casa da bouça (nogueira)

casa da lama

casa da quintã

casa de monte sines

casa de sequeiros

casa de sequeiros - lodares

casa _ vilar_lodares_lousada

casamento - joaquim da silva netto com d

casa_da_lama_lodares_lousada

casa_de_real_ficha

casa_do_vilar

casa_vila _verde

collegio_de_bairros

concelho

couto

covas

cristelos

crónicas

cruzeios_lousada

cruzeiros

cruzeiros_lousada

da

de

despedidas

desporto

do

donativo

eleição

eleição_ abdicação

em 1907.

enlace

escola

festa

figueiras

i congresso internacional da rota do rom

igreja paroquial de cristelos / igreja d

igreja paroquial de figueiras / igreja d

igreja: stº estevão de barrosas

iii jornadas de história local

lodares

lodares_lousada

lousada

meinedo

memória

memória_paroquial

moinho

moinhos

nespereira

nevogilde

nogueira

nossa

padre

paisagem_edificada_lousada

política

ponte _de_ vilela

ponte_espindo

porto

quaresma

reverendo

romaria

rota_românico

senhora

títulos

universidade de coimbra

todas as tags

links
subscrever feeds